sexta-feira, 17 de março de 2017

Survival Mode: Metal Gear Rising: Revengeance (Xbox 360)

Resultado de imagem para metal gear rising xbox 360
Olá, povo ninja futurista, tudo bem? Admito que sou um novato na saga Metal Gear, eu tinha jogado o primeiro Metal Gear lançado para o NES e para o MSX, mas foi bem pouquinho, porém quando peguei esse em mãos eu me apaixonei. Sei que tem gente que despreza esse jogo por ser diferente dos outros da série e deve haver algumas pessoas que podem estar me chamando de poser. Primeiro: eu sei a história da saga Metal Gear e quem são os personagens ou a qual é cronologia da série (este é o último da cronologia). Segundo: Nada, só coloquei pra encher linguiça. Mas agora pegue uma katana ninja por nenhuma razão e veja a review, 来ます (Vamos lá)!!! 
Fase 1: Enredo 
Geralmente a saga Metal Gear tem enredos muito complexos, elaborados e detalhados, mas este aqui nem é tanto assim comparado com os outros, estou traduzindo a descrição do manual, olhem: "Em um próximo futuro, a tecnologia ciborgue se tornou algo comum entre a sociedade. Três anos se passaram desde que o colapso do sistema dos Patriots que estava secretamente controlando o equilíbrio global pelas sombras ( contado em Metal Gear Solid 4). Entretanto, a paz permanecia elusiva. A disseminação da tecnologia cibernética disparou instabilidade e conflito como aqueles que controlavam o ganho comercial, aumentando o poder. Além disso, grandes companhias militares privadas, que estavam sendo apoiadas e controladas pelos Patriots, geraram entidades fraudulentas com origens em maiores organizações criminosas. Estes renegados, empregando tecnologia ciborgue se tornaram cada vez mais malvados, trocando política e poder à vontade. Como um membro da Segurança Maverick, Raiden (o protagonista do game) vive pelos Mantra de proteção e salvar vidas. Mas enquanto o mundo mergulha em guerra assimétrica, Raiden encontra o único caminho que leva-o para frente que está enraizado em resolver seu passado e cortar qualquer coisa que fique em seu caminho." Espero que tenha entendido ou que não tenha dormido na história, Próxima!!!!
Fase 2: Som
Só estarei escrevendo sobre a trilha por ser incrivelmente radical e porque o blog é meu e faço o que quiser. As músicas dos jogos anteriores eram mais puxadas para temas de espionagem, este aqui é mais puxado para Heavy Metal, porque o jogo é mais frenético e hoje é dia de rock bebê (Meme ultrapassado), escuta aí:
 
Esqueci de escrever que algumas músicas são cantadas?
Se você gosta de Heavy Metal, a música é muito boa, não é? se você não gosta, nem conseguiu suportar. Ouvir isto combinado com a frenesia do jogo te faz sentir determinado(a) e que você consegue combater todo o mal sozinho(a), se me der licença, vá para a próxima.

Fase 3: Jogabilidade 
Este é o ponto que alguns fãs da série mais criticaram, por ser diferente dos outros e mais puxado para a ação, sendo que os outros eram mais puxados para o stealth, se você não sabe, aqui vai uma tradução resumida: Ser sorrateiro, entrar em lugar sem ser visto ou não conseguir mais pensar em uma definição. Pode ter alguns fãs ou até novatos (como eu) de Metal Gear que gostem do game, mas independente da opinião das pessoas, eu acho a jogabilidade excelente. Lembrando que esta análise é da versão de Xbox 360, os controles das versões de PS3 e PC são diferentes, inclusive está escrito no título da postagem que é a versão da caixinha x 360, então, se o jogo for multiplataforma preste atenção no título para ver qual versão é. Tirando os comandos mais básicos como pular no botão A, andar com o analógico esquerdo, mover a câmera no analógico direito e pausar no Start, os cromossomos botões X e Y são ataque fraco e forte, botão B para interação, seta de cima para encontrar a localização do objetivo via um tipo de radar, as setas da esquerda e da direita para trocar de armas, o botão Back para conversar com os aliados via Codec (um tipo de rádio),  o botão de cima LB para usar e equipar armas secundárias, o outro botão de cima RB para focar nos inimigos, o gatilho de cima RT para correr, lembrando que é possível atacar enquanto corre e o outro gatilho de cima LT para ativar o Modo Katana que é uma mecânica muito legal do jogo que funciona da seguinte maneira: Segurando o gatilho o tempo fica em câmera lenta e a câmera fica nas costas do personagem, não dá para movê-lo mas dá para mexer a câmera com o analógico esquerdo, o modo não é infinito mas gasta uma barra amarela que fica azul que é possível absorver dos inimigos quando são cortados, apertando o X faz cortes horizontais e o Y cortes verticais, também é possível usar o analógico direito para cortar na direção que quiser mas não para fazer combos eficientes, falando em combos aqui vem eles. O sistema de combos é bom e funcional, mas não tem uma lista tão vasta, não que isso seja ruim, mas o legal é que a lista muda um pouco dependendo da arma que Raiden usa e não me refiro às armas primárias ou secundárias, falando nisso. Existem três tipos de armas: As primárias que são Katanas que cortam quase tudo, as secundárias que variam entre bazucas, granadas e até caixas de papelão para se esconder dos inimigos (aliás esse jogo tem um pouquinho de stealth) e as únicas que a partir de agora chamo de terciárias que são apenas 3 mas muito variadas e que são usadas no botão Y, a lança que é uma katana 2, é um pouquinho mais lenta que a Katana só que é mais forte (se não me engano), das terciárias é minha favorita porque dá pra dançar break dance com ela, o sai (adaga japonesa) serve como um gancho, porque  quando acerta um inimigo Raiden vai direto para a direção dele, e a machete dupla que é a que eu menos gosto, pois é lenta mas apesar disso é forte, também é possível fazer upgrades nas armas terciárias e primárias, mas não é só nas armas, dá pra aumentar os status do personagem e até mudar a roupa dele, sendo que a maioria das roupas são por DLC, mas vamos deixar isso de lado.
Agora apenas citarei uma parte aleatória do jogo: o desmembramento, que é impressionante. Cortando o inimigo dá pra ver pedaço por pedaço caindo, o que é mais visível no modo katana. E se você está achando que estou impressionado só porque não jogo tanto jogo da nova geração, que nada! é só jogar o jogo ou ver uma gameplay que tá serto. Por fim, os chefes...
Só escreverei resumidamente que as batalhas são épicas, só isso. Que venha o verídico!!!!!!
Fase 4: O Verídico 
Prós: 
+ Trilha sonora radical 
+ Combate e ação frenéticas 
+ Desmembramento impressionante 
+ Chefes épicos 
Contras: 
- Curto 
Nota Final: 
9.0 
Review em Estrelas: 
Som: ✭✭✭✭✭ 
Jogabilidade: ✭✭✭✭✭ 
Diversão: ✭✭✭✭✭ 
Replay: ✭✭✭✭ 
Resumindo: Metal Gear Rising é um excelente game, ação rápida e frenética, trilha sonora super agitada, um desmembramento detalhado que impressiona até hoje (o jogo é de 2013), batalhas épicas e o jogo mais barato de Xbox 360 que tem à venda em mídia física, algumas pessoas desprezam por não ser de stealth, é possível matar os inimigos sorrateiramente, mas isto é detalhe, o único ponto fraco do jogo é que é muito curto, dá pra zerar entre 5 à 10 horas, mas mesmo assim é o meu jogo de 360 favorito até agora e um dos melhores jogos que já joguei na face da terra. 
Curiosidades Rápidas: 
- O subtítulo Revengeance do nome é uma junção das palavras revenge e vengeance, que tem o mesmo significado: vingança 
- É possível fazer o código Konami (nome da empresa que publicou o jogo) para habilitar as dificuldades mais altas 
Gosta ou não gosta deste jogo? já jogou a saga clássica de Metal Gear ou não? concorda com a minha nota? comente aqui e compartilhe nas redes sociais, (desligando o Codec).

6 comentários:

  1. Gostei de saber sobre o preço do game... ainda bem que existem jogos bons por um preço mais acessível. Parabéns também pelos detalhes da análise!

    ResponderExcluir
  2. Achei legal a ideia "Stealth" das caixas de papelão pra se esconder dos inmigos! Parabéns Ivan, seu blog está cada vez melhor!

    ResponderExcluir
  3. uauuu Ivan, agora eu tô gostando pq o metal gear parece ser um jogo do meu estilo, adoro dar uns tiros no computador ou console e pelo que entendi também posso lutar com espada. nada mal. gostei da música também. acho que vou pedir pro caio comprar prá nós! só achei meio complicado todos aqueles botões...não sei se dou conta.. mas me conta ou que vc tá querendo do titio de aniversário, vai pensando e me conta !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou querendo arranjar dinheiro para comprar um Nintendo Switch, só que o mais barato está por 2089 reais, então terei que vender algumas coisas.

      Excluir
  4. oi Ivan, como ainda não sei jogar vou me apegar aos detalhes e criar atrito adoro!!!... "cromossomos botões X e Y são ataque fraco e forte" alguma coisa me diz que é machismo. kkkkk parabens pela postagem, estou gostando de ler e ver as informações detalhadas que vc consegue escrever. bjos

    ResponderExcluir
  5. Meu querido vc é de grande utilidade para os, que como eu, entendem pouco de jogos mas gostariam de entender mais. Achei suas descrições incríveis e realistas. Ah se tivesse tempo... iria querer aulas particulares.

    ResponderExcluir