sábado, 6 de fevereiro de 2016

Survival Mode: Gunman Clive (3DS)

 
Olá povo lindo, tudo bem? hoje eu vou fazer uma análise de um jogo Indie, se você não sabe o que é um jogo Indie, eu vou explicar: 
Jogos Indies são jogos feitos por produtoras independentes, como um grupo pequeno de pessoas ou uma pessoa só. 
 
Minecraft é um exemplo, o jogo é 3D, tem um mundo aberto quase infinito e foi feito por uma pessoa só. E tem um mundo
 
de pessoas que tem canal no Youtube só pra fazer Gameplay, desse jogo, sem Minecraft aqui, 
ou não, CHEGA DE FALAR E VAMOS PRA ANÁLISE!!! 
Vamos começar pelos pontos positivos, como a jogabilidade, 
 
que é bem no estilo Megaman, só que com Cowboys, se você já jogou Megaman, você sabe como é a jogabilidade, tem vários inimigos na tela, você sai atirando em tudo enquanto  está andando, tem plataformas e tem itens que recuperam vida, 
 
só que você não escolhe a fase e não absorve as habilidades dos chefes, esse jogo é mais linear do que o Megaman, e o jogo é um tanto quanto curto, é até possível zerar em menos de uma hora. Uma coisa bacaninha sobre esse jogo, é que tem mais de um personagem jogável, o jogo tem dois personagens, 
  
o da esquerda é o cara com o mesmo nome do jogo, ele apenas anda atira e agacha, e o da direita é a Senhora Johnson, ou Miss Johnson, se preferir. Ela faz as mesmas coisa que o Clive, só que ela tem o poder de flutuar enquanto segura o botão de pulo, só que Miss Johnson não pode andar enquanto está atirando.  Tem também um terceiro personagem que você libera zerando o jogo pelo menos uma vez, esse personagem ééééé....... 
 
um pato, um pato? UM PATO?!!! o pato pode voar, mas não pode atirar (até rimou), que é algo que deixa o jogo um pouco difícil, e por causa disso você não enfrenta o chefe com ele, ela, ah não sei se é macho ou fêmea! 
Um problema grave desse jogo é a dificuldade: as mortes do jogo são injustas, mas não é um daqueles jogos difíceis e desafiadores, esse tipo só te força a ficar mais habilidoso(a), mas esse jogo te força a morrer, eu vou te dar um exemplo: 
 
Nessa fase, você está em uma floresta, só que nesta floresta, tem inimigos que aparecem do nada, não é do cara azul da frente que estou falando, e sim o de trás, o de trás fica aparecendo do nada,  mas como é que eu saberia que teria um cara atrás de mim, e pior, NÃO TEM CHECKPOINT!!!! se você acha que sou apenas um Noob que só se ferra, jogue o jogo e você vai me entender, o jogo também está disponível para PC e Android, talvez para Iphone ou IOS, mas falando em dificuldade, o jogo também tem seleção de dificuldade, tem fácil, médio e difícil, sendo que tem poucas diferenças em cada dificuldade. No fácil, você tem uma vida longa e não morre ao cair em buracos. No médio, você tem uma vida um pouco mais curta e morre ao cair em buracos e os chefes tem a mesma quantidade de vida que você tem no fácil. No difícil, você morre ao tomar dois Hits e cair em buracos, são diferenças bem pequenas, chega de falar negativamente e vou falar positivamente, o jogo tem uma trilha sonora até que linda, e só você procurar no Youtube, só que o volume das músicas é baixo e o meu primo Caio até achou que o jogo não tinha trilha sonora, mas é uma trilha sonora linda!  Falando em som não podemos esquecer os efeitos sonoros, que são ridículos, os efeitos sonoros do jogo são 8-Bits, só que o jogo é 3D com uma jogabilidade 2D, isso é o que chamamos de 2.5D, isso é um jogo de 3DS, não de Nintendinho, mas, às vezes a qualidade do áudio dos efeitos sonoros do jogo é inconstante, por exemplo: 
Às vezes é baixo e às vezes é alto, bem estranho, não é? agora vamos falar dos gráficos, 
 
o visual é bem minimalista, mas as animações são lindas e suaves, eu só coloquei essa imagem parada porque não sei se tem GIF desse jogo. O visual minimalista  divide opinião: alguns gostam, outros odeiam, mas tem pessoas como eu que acharam bem meh, nada contra, mas são poucas cores, o fundo só tem uma cor, só que os animais como esse pato, ficam camuflados, eu consigo ver bem mesmo que tenham a mesma cor do cenário, mas você não consegue, aí ferrou, Chega de blábláblá e vamos aos prós e contras! 
+ Trilha sonora linda 
+ Animações suaves e fluidas 
+ O Megaman do faroeste 
- Curto 
- Efeitos sonoros fracos 
- Mortes injustas 
- Visual Minimalista 
- Sem Checkpoints 
Nota Final: 6.0 
  
Razoável 
Resumindo: As mortes são injustas, tem poucos detalhes, os efeitos sonoros são ridículos e não tem Checkpoints, mas o jogo é ruim? não, tem uma jogabilidade boa, animações e trilha sonora lindas, se vale a pena ou não, depende da sua escolha. 
Curtiu compartilhe no seu Google+ ou comente, ou faça as duas coisas, vou ficando por aqui, Bye Bye.

4 comentários:

  1. EU perdi algumas informações. é jogo de qual console ? ou melhor, em qual console você jogou ? O jogo é meio apagado...enfim, ele tem algum objetivo, como matar uma bandido específico ? mas como o jogo é de dar tiro deve ser legal. dá prá trocar de armas ? um jogo que eu gosto e que também é linear é o Metal Slug !!!!! que não tem de cowboy, mas tem de outros personagens ! como soldado, etc...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu joguei no 3DS, você não viu que estava escrito no título? estava escrito (3DS), o jogo não tem um objetivo específico, e só um jogo de plataforma qualquer, não dá pra trocar de arma,mas tem Power-Ups que dão um novo tiro, mas eu não conto como trocar de arma.

      Excluir
  2. Adorei a leveza do cenário. Também gostei da mocinha poder atuar como o protagonista. Detesto games em que as personagens femininas apenas ficam esperando para serem resgatadas.

    ResponderExcluir